segunda-feira, junho 05, 2006

aliens na escolinha

aqui, quem redige é miriam wordsworth, e segue nas linhas abaixo, a entrevista bombástica com uma das aluninhas que tem a camiseta suja de vômito em virtude de acontecimentos estranhos que ocorrem em sua escolinha de gente crescida.
esse vômito, Mariana, de onde vem? o vômito vem da minha verdade mais pura. a coisa é incontrolável, e eu sofro cada vez mais por ter que ficar com a camisetinha colada com peptina gástrica no peito.
e tu não tem vergonha de ficar vomitada andando por aí? vergonha eu tenho, né, mas na verdade, essa sopa que sai de mim é uma manifestação assintomática quem vem sempre quando estou na aula de sexta.
mas afinal, quais são os dias que andas vomitada? sexta-feira.
por que logo nesse dia tão out? ah, depois que uma nuvem começou a entrar pela janela e largar uma chuvinha em microgotas por toda a sala... eu comecei com isso e, talvez seja um dos motivos que está me deixando assim.
mas tu não tenta te limpar? tentar eu tento. mas o vômito volta quando eu entro na sala de aula e vejo as coisas que têm lá dentro.
que tipos de coisas? nuvens, monstros, muitos monstros que gargalham exalando um ar ácido por todo o ambiente. eles fingem que são alunos, mas quando a professora vira de costas, eles voltam a forma que têm no planeta Pata Medalha. bem, pelo menos foi isso o que me falaram na última aula. disseram que gostam de coabitar o espaço com seres que se julgam superiores. e o que me amedronta, Miriam, é que eles pegam essa energia dos pretensos déspotas pra ficarem mais fortes e, então, continuar a exalar o ácido pra fazer com que os alunos mais fraquinhos andem vomitados passando vergonha. é horrível ver o ácido saindo daquelas bocas. e pro ácido sair é só dar uma risadinha.
explica melhor? é isso aí mesmo, quando mais besteiras galopantes o professor fala, mais fortes eles ficam, e mais gás é exalado pra deixar as pessoas abobadas e vomitadas.
mas quem é esse professor que atrai os monstros? não posso citar nomes, mas te asseguro que é a configuração mais perfeita do homo imbecilis galopante e, inclusive, demora segundos para dizer clichês monossilábicos; e , puts, é nesse contexto que os monstros largam o ácido. e pra piorar o quadro do meu pavor, quando começa a citação do sem-número de publicações das revistas mausoléu e tutankamon, eles largam uma geléia em baixo da cadeira. o que me apavora cada vez mais é que o professor nunca vê o que está acontecendo, pois dá aula de olhos fechados! os montros estão ficando mais fortes... eles crescem de tamanho a cada repetição de vício de linguagem! e o profi de sexta, tem isso, essa mania de repetir os sons de zoológico quando quer linkar um pensamento ao outro. o "ããã", "ããã", "ãããã" dele, tá fazendo os montros crescerem! e eles chegam a crescer de 10 a 15 centímetros em cada aula!
tá me dando raiva essa situação, sabe, porque só eu e mais uma colega enxergamos isso! se, pelo menos, o professor falasse menos ãããs, eles não cresciam tanto e não espraiavam geléia pro nosso lado.
e por que tanta raiva, mariana? não é raiva, dona repórter, é uma questão de intolerância, mesmo. intolerância por não entender como é que seres medalhões, papagaios do óbvio, ocupam os bancos de docência e deixam os montros crescerem tanto e largarem mares de geléia em nossas roupinhas tão limpas!
e agora o que tu vai fazer? eu? eu não tenho nada a fazer, sou uma reles acadêmica, uma refén de alienígenas. apenas aprendo exatamente como não ser, pros monstros de amanhã serem apenas bolotas de um sorvete derretido.
Não percam a próxima entrevista com a outra aluna que se vomita e ainda regurgita!Miriam Wordsworth, diretamente para a tribuna ócio mental.

4 comentários:

Cinecittà disse...

Nada, meu blog não é interessante, nunca atualizo, o seus escritos que sim, além de ser gaúcha e dona da cútis alabastrina. Um beijo, menina que não quis o cinecitta@gmail.com perfilando solerte em seu msn.

Anônimo disse...

Super color scheme, I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»

Anônimo disse...

Very pretty site! Keep working. thnx!
»

Anônimo disse...

I find some information here.