segunda-feira, abril 24, 2006

lutar com palavras

perdi minhas escrituras de hoje quando a manhã raiava. e que raiva, era pra vocês.
volta e meia rumino a sensação deletéria de perder palavras. e perdê-las é um injusto assalto à mão armada sem direito à queixa policial. não existem provas do ocorrido, não há álibis e muito menos cópias do que já se foi. tudo, tudo vai embora, assoprado prum não sei onde, e gente fica assim, à toa, com cara de panaca embasbacada com a morte de um nascimento, ou lá sei eu, se com o nascimento de uma pequena morte.
e eu te pergunto agora - quem é o culpado?
a máquina erra?
não, máquina não erra, senhores. pifa.
humano, sim - erra. erra, pifa e caga fora do pinico também.
phoda perder palavras como cinza ao vento. ai, Hiroshima... lembro de ti. Enola te arrasou sem volta. Tibbets confessou que foi um merda ao pilotar o B-29. ele admitiu, se tremendo no alzheimer, dia desses, prum repórter, que voltaria no tempo e faria um CTRL Z na resolução do comandante .
as palavras perdidas por erros tecnológicos, incondicionalmente, me levam até ti, Hiroshima. até ti, Nagazagui. nações zeradas, aniquiladas pelo não pestanejar do extremismo nacionalista sem CTRL Z salvador. é matar ou morrer. perder palavras é um embate silencioso com a memória. é a consciência de inalcansavelmente poder voltar atrás e reestabelecer o antes.
perder palavras é castigo manso de deus sem raiva. dói, claro, mas se güenta. se lamenta, mas se levanta noutro dia já nem lembrando tanto assim. por isso, faço de Drummond, minhas palavras: “lutar com palavras é a luta mais vã. no entanto lutamos mal rompe a manhã”.

7 comentários:

andrechilipepper disse...

é foda perder tudo isso... mas tudo é necessário... com certeza foi necessário o sentimento da perda para estimular novos sentimentos que não existiriam se não fosse aquela perda.

o mundo gira

renato disse...

tá escrevendo garota!

priscila mendes disse...

mariushka,
que lindo o teu texto, colega!

sica disse...

cadê a tirinha?
quero ver, quero ver, quero ver.

Anônimo disse...

This site is one of the best I have ever seen, wish I had one like this.
»

Anônimo disse...

Your are Nice. And so is your site! Maybe you need some more pictures. Will return in the near future.
»

Anônimo disse...

I find some information here.